terça-feira, fevereiro 17

Valkyrie, 2009


Do mesmo diretor de X-Men; Brian Singer , Valkyrie (Operação Valquíria) é uma refilmagem de uma série alemã feita para televisão que narra fatos ocorridos na Segunda Guerra Mundial, onde um general ficou responsável em mudar o destino do mundo. Mais impressionante que a idéia em si, foi a atuação de Tom Cruise, que se mostrou um ator a altura do personagem, pois como já havia comentado anteriormente, quando criança sempre pensou porque ninguém havia tentado parar Hitler, mesmo sabendo das atrocidades que ele cometia. Com a oportunidade em mãos, ainda que ficcionalmente, Cruise enche nossos olhos de lágrima e nos coloca diretamente em ação.

Valkyrie começa com a cena que explica porque o coronel Claus von Stauffenberg (Cruise) usa um "tapa-olho" na maior parte do filme. O acidente, causado por um ataque surpresa dos Aliados a uma base alemã, é o motivo pelo qual o coronel perdeu um olho. Depois disso, mostra-se diversos membros do alto escalão do governo e do exército alemão, que estão deveras insatisfeitos com os atos megalomaníacos de Hitler e decidem agir para que a Europa não seja completamente devastada pela Guerra. O coronel Claus então é chamado, por sempre ter deixado claro sua aversão ao método de política nazista, e coloca em ação um plano aparentemente perfeito para assassinar o grande ditador.

O filme é encantador, além de mostrar o lado humanitário de alguns alemães na época da guerra, deixa claro o que a história muitas vezes deixou de lado: talvez, Hitler não fosse o líder que todos pensavam. Ao todo, conhece-se cerca de 15 planos executados para matar o líder do Terceiro Heich. Operação Valquíria foi apeanas o mais conhecido entre os outros.

O filme é ousado e criativo. Brian Singer tornou um tedioso filme de Segunda Guerra em um excepcional relato de uma história fantástica e nada cansativa. É de aplaudir também a atuação de Tom Cruise, visto que não foi ofuscado por nenhuma outra atuação (mesmo porque a maioria do elenco era de atores não tão conhecidos) Cruise empenhou glamurosamente bem o papel de herói. O figurino no filme é de arrepiar, trajados exatamente com os uniformes nazistas, com direito até a suástica no peito, além de uma fotografia merecedora de um Oscar.

O filme foi extremamente rejeitado nos Estados Unidos.

Assistido e aclamado aqui no Brasil, está ai mais uma diversão para seu final de semana.

Um comentário:

Takai disse...

Hey jú.... td certo ai

confere ai... vê se bate

http://www.estadao.com.br/arteelazer/not_art327534,0.htm

=)

deve ser fake

até mais
beijo
bom carnaval
ainda num li nada aqui... mas assim que assistir os filmes eu comento